04/12/2017 16h14

PETI da Cohab encerra atividades de 2017 com confraternização

Um clima de confraternização, lazer e diversas atividades recreativas marcaram encerramento dos serviços de fortalecimento e convivência de vínculo do projeto do PETI de Itaporã em 2017.

Por: Assecom Itaporã
 

Um clima de confraternização, lazer e diversas atividades recreativas marcaram encerramento dos serviços de fortalecimento e convivência de vínculo do projeto do PETI de Itaporã em 2017.

O evento aconteceu na unidade do PETI na Grande COHAB e foi regado de refrigerante, e cachorro quente para a garotada.

Esta foi mais uma ação da Gerência de Assistência Social, que ao longo desta administração tem se preocupado diuturnamente em manter um elo de ligação entre famílias, sociedade e autoridades, na busca de atividades sócio educativas para dar um melhor implemento a educação destes jovens.

CURTA O DIÁRIO NO FACEBOOK

Com a inclusão dessas crianças nestes projetos, o município procura chamar a atenção da sociedade, para a realidade de grande parte de meninos e meninas de famílias de baixa renda, que integram o programa social "Peti". Isso objetiva viabilizar ações para retirar meninos e meninas de 07 a 15 anos de idade do trabalho considerado perigoso, e que coloca em risco a saúde e a segurança de crianças e adolescentes.

A gestora a ação social Tânia Mara Carlos Custódio reitera que em Itaporã o programa o Peti conta com profissionais de alta capacitação que motivam e estimulam a participação das crianças e adolescentes que muitas vezes sentem-se discriminadas e marginalizadas a participar da vida social.

Prestigiaram o evento, o prefeito Marcos Pacco, o vereador Givanildo, a psicóloga Mari Ortiz e servidores do projeto. O prefeito Marcos Pacco (PSDB) parabenizou todos os profissionais envolvidos e falou da importância do executivo em gerir ações em prol da melhor qualidade de vida das crianças, num trabalho de inclusão e associabilidade.

Envie seu Comentário